Cartões virtuais Rezinh@CDesigns

3.9.11

Pensamentos

A vida é assim...
Às vezes nada acontece como nós queremos como nós desejamos
Às vezes esperamos algo... Mas nunca vem
Às vezes amamos alguém
Às vezes alguém nos ama
Mas não somos correspondidos e não correspondemos à altura
Às vezes temos a oportunidade de sermos felizes, mas não conseguimos
Às vezes a felicidade esta onde nós menos esperamos
Às vezes está em nossa frente diante dos nossos olhos
Mas por algum motivo não conseguimos enxergar
Quando conseguimos enxergar, já é tarde...
Perdemos a oportunidade que não teremos mais
Às vezes sentimos culpados por não termos enxergado o que esta diante de nossos olhos
Às vezes não nos perdoamos
Por medo
Por não ter tentado
Por não ter acreditado
Por não ter dado uma chance
E acabamos perdendo o que poderia ser a FELICIDADE
Às vezes olhamos para trás e sentimos que poderíamos ter arriscado
E mesmo com o medo
Ter tentado
Ter acreditado
Ter dado uma chance
Às vezes temos que arriscar para não cometermos os mesmos erros do passado
Às vezes temos que olhar a nossa volta
Procurar o que nos faz feliz, o que nos deixa feliz
O que nos faz bem, o que nos faz sentir bem
Aproveitar as oportunidades

A vida é assim...


╚══════════ ೋღ❤ღೋ ══════════╝

Sinto-me sem forças
Sinto-me vazia, quero fugir
Sinto-me distante, distante de ti
Sinto-me ausente, impaciente
Sinto-me pequena, sem rumo, dá até pena
Sinto-me aparte, sem parte, sem arte
Sinto-me cansada, sem nada, despedaçada
Sinto-me doente, um pouco até carente
Levanto, lavo o rosto e sigo em frente...
Indiferente.




╚══════════ ೋღ❤ღೋ ══════════╝


Dose de Amor

Qual é a dose
De amor que você precisa
A dose certa pra te fazer feliz
Qual é a dose, me diz

Porque eu quero te dar o amor
Na dose que precisar
Nem mais, nem menos,
Só o tanto que te bastar

A dose certa de beijos e de sabores
De encantamento e de valores
Na dose exata pra não matar
Do jeito certo pra não cegar

Que o meu amor não seja
Na dose excessiva
Que prende e que escraviza
Que cobra e que penaliza

Quero saber, meu amor, me diz
Que dose eu devo usar
Pois quero muito te abraçar
Me diz pra eu lembrar

E quando a dose eu aprender
Farei tudo pra prevalecer
O amor na dose total,
que não mata e não te faz mal.

╚══════════ ೋღ❤ღೋ ══════════╝

APRENDENDO NAS QUEDAS!

Por que será que nos lamentamos tanto quando nos decepcionamos, perdemos e erramos?
O mundo não acaba quando nos enganamos. Ele muda, talvez, de direção.

Mas precisamos tirar partido dos nossos erros.
Por que tudo teria que ser correto, coerente, sem falhas?

As quedas fazem parte da vida e do nosso aprendizado.
Que dói, dói. Ah! Isso não posso negar! Dói no orgulho, principalmente.

E quanto mais gente envolvida, mais nosso orgulho dói.
Portanto, o humilhante não é cair, mas permanecer no chão enquanto a vida continua seu curso.

O problema é que julgamos o mundo segundo nossa própria maneira de olhar e nos esquecemos que existem
milhões e milhões de olhares diferentes do nosso.

Mas não está obrigatoriamente errado quem pensa diferente da gente só porque pensa diferente.
E nem obrigatoriamente certo.

Todo mundo é livre de ver e tirar suas próprias conclusões sobre a vida e sobre o mundo.
Às vezes acertamos, outras erramos. E somos normais assim.

Então, numa discussão, numa briga, Pare um segundo e pense: "e se eu estiver errado (a)?"
É uma possibilidade na qual raramente queremos pensar.
Nosso "eu" nos cega muitas vezes.
Nosso ciúme, nosso orgulho e até, por que não, nosso amor.
Não vemos o lado do outro e nem queremos ver.
E somos assim, muitas vezes injustos (as) tanto com o outro quanto com a gente mesmo, já que nos recusamos
a oportunidade de aprender alguma coisa com alguém.
E é por que tanta gente se mantém nessa posição que existem desavenças, guerras, separações.
Ninguém cede e as pessoas acabam ficando sozinhas.

E de que adianta ter sempre razão, saber de tudo, se no fim o que nos resta é a solidão? Vida é partilha.
E não há partilha sem humildade, sem generosidade, sem amor no coração.

Se fecharmos nossa alma e nosso coração, nada vai entrar.
E será que conseguiremos nos bastar a nós mesmos? Eu duvido.

Não andamos em cordas bambas o tempo todo, mas às vezes é o único meio de atravessar.
Nunca duvide do seu poder de sobrevivência! Se você duvida, cai.
Aprenda com o apóstolo Pedro que, enquanto acreditou, andou sobre o mar, mas começou a afundar quando sentiu
medo.
Deus não prometeu Dias sem Dor; Risos sem Sofrimentos; Sol sem Chuva.

Ele prometeu Força para o Dia; Conforto para as Lágrimas e Luz para o Caminho

╚══════════ ೋღ❤ღೋ ══════════╝

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Image and video hosting by TinyPic
Rezinha Conti

Me leve com você

Me Leve com Você


Minhas Redes Sociais

http://rezinhaconti.tumblr.com/

Solidariedade

Seguidores